fbpx

Vivaz São Cristóvão

Vivaz São Cristóvão
Chegou o Vivaz São Cristóvão para você morar perto de tudo que você deseja. Localizado na região central da cidade, esse é o bairro dos seus sonhos: perto do seu dia-a-dia, do seu lazer, perto do Rio que você sonha viver.

42 m² de área privativa

1 a 2 dormitórios

0 a 1

7-formas-de-melhorar-o-desempenho-do-setor-de-atendimento-ao-cliente

21 9 6642-8909

Apartir de

R$ 206.403

Financiamento Facilitado

Vivaz São Cristóvão

São Cristóvão (bairro do Rio de Janeiro)

Quinta da Boa Vista

Bairro Imperial de São Cristóvão é um bairro da Zona Central do município do Rio de Janeiro, no Brasil.[6] Seu povoamento lusitano começou com a fundação da Igreja de São Cristóvão em 1627, então à beira-mar. Na época, os pescadores amarravam as suas embarcações junto às portas da igreja para comparecer às missas, e logo tornou-se uma vila de pescadores e comerciantes. Em 1803 ergueu-se um casarão sobre uma colina, da qual se tinha uma boa vista da baía de Guanabara, que ficou conhecido como "Paço de São Cristóvão", o qual foi escolhido por D. João VI para ser o Palácio Real da Casa de Bragança, sete anos mais tarde; o que foi mantido mesmo após da Independência do Brasil; tornando-se o Palácio Imperial; sendo vizinhado por outros solares onde residiam as famílias da nobreza; o que lhe deu a alcunha de Bairro Imperial. Com o golpe de estado que instalou a república, a elite se redirecionou para os jovens bairros de Botafogo e Copacabana, e o Palácio tornou-se a atual sede da Assembleia Nacional Constituinte de 1891 e posteriormente do Museu Nacional, tendo sido destruído por incêndio em 2018.

Faz limite com os bairros históricos de Caju e Santo Cristo, com os movimentados e recentes bairros de BenficaPraça da Bandeira, e Maracanã, com a Mangueira, é do bairro Vasco da Gama.