fbpx

Apartamento a Venda Flamengo

porConsultor Imobiliario

Apartamento a Venda Flamengo

Detalhes

Apartamento a Venda Flamengo
2 quartos, com vaga de garagem na escritura, bairro Flamengo Zona Sul do RJ na Senador Vergueiro, próximo ao metrô, transporte publico farto, a poucos minutos do aterro do Flamengo.

Cozinha
Sala
Banheiro
Área de serviço
Vista rua

Preço


R$ 750.000,00

Imagens

Apartamento a Venda Flamengo

Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro
Apartamento na Senador Vergueiro

Fale Conosco

Flamengo 

Apartamento a Venda Flamengo

É um bairro da zona sul do município do Rio de Janeiro, no estado do Rio de Janeiro, no Brasil. Tem, como principal referência, a Praia do Flamengo. Seus limites são os bairros de BotafogoLaranjeirasCatete e Glória.[5] É, eminentemente, residencial de classe média e classe média alta. A Avenida Rui Barbosa, no bairro, já foi um dos endereços mais nobres da cidade do Rio de Janeiro, mas, com o desenvolvimento de bairros como CopacabanaIpanema e Leblon no século XX, o bairro perdeu um pouco de seu status.
CateteLargo do Machado e Flamengo são as estações de metrô que dão acesso ao bairro. Suas principais ruas são: Senador Vergueiro, Paissandu, Marquês de Abrantes, Praia do Flamengo e Avenida Infante Dom Henrique. A Praia do Flamengo, a Praça São Salvador, o Centro Cultural Oi Futuro, o Centro Cultural Arte Sesc, a Casa de Arte e Cultura Julieta de Serpa, o Castelinho do Flamengo (o qual abriga o Centro Cultural Oduvaldo Viana Filho) e o Parque Brigadeiro Eduardo Gomes são alguns pontos de interesse que estão situados no bairro e em seu entorno.
Os consulados do Japão, MéxicoPeruReino Unido,ChileBolívia e Islândia estão localizados no bairro.

Praia do Flamengo

É uma praia que se estende por grande parte do Parque Brigadeiro Eduardo Gomes. É uma praia de águas tranquilas, por se situar dentro da Baía de Guanabara. Devido a poluição da Baía de Guanabara, as águas da praia pouco a pouco se tornaram poluídas, até que nos últimos 30 anos a praia se tornou completamente proibida para o banho. Com o recente processo de despoluição da Baía, as águas voltaram a apresentar condição de balneabilidade em algumas épocas do ano. Em setembro de 2013 a praia bateu seu recorde de balneabilidade, estando em 77,8% do tempo em condições próprias para banho.
Era chamada pelos índios nativos tupinambás de uruçumirim,  que significa “abelha pequena”. Com a chegada dos portugueses, no século XVI, estes passaram a denominar a região “Aguada dos Marinheiros”, por nela se situar uma foz do Rio Carioca, onde os navios costumavam se abastecer de água potável. Em 20 de janeiro de 1567, aconteceu, na região, a maior batalha da invasão francesa ao Rio de Janeiro. As forças portuguesas, comandadas por Estácio de Sá, destruíram a forte paliçada tupinambá que se havia erguido no local. Na batalha, foi ferido mortalmente Estácio. Posteriormente, a praia passou a ser chamada “Praia da Carioca”, em referência ao rio homônimo. Passou, ainda, a ser conhecida como “Praia do Sapateiro”.
A origem do nome atual da praia vem da primeira invasão neerlandesa à cidade em 1599. Como o desembarque neerlandês ocorreu na praia, ela passou a ser chamada “Praia do Flamengo”. Oficialmente, “flamengo” designa o natural da região belga de Flandres. Porém, na época, esse era o termo pelo qual se designavam todos os falantes de língua neerlandesa, o que abrangia tanto os naturais dos atuais Países Baixos (os neerlandeses) quanto os naturais de Flandres (os flamengos).[20] Até a década de 1920, foi a praia mais frequentada da cidade, sendo, então, suplantada pela Praia de Copacabana. Na década de 1960, com a construção do Parque Brigadeiro Eduardo Gomes e o consequente aterramento do litoral em frente à Praia do Flamengo, a praia passou a se situar aproximadamente cem metros à frente da antiga linha costeira.
Praia da Glória
É uma pequena praia que se estende por parte do Aterro do Flamengo. É uma praia de águas tranquilas, por se situar dentro da Baía de Guanabara. É separada da Praia do Flamengo apenas por um pequeno quebra-mar.[21] No passado foi uma praia grande e das mais badaladas do Rio de Janeiro, sendo em grande parte aterrada entre o início do século XX e a década de 1960, para a construção do Aterro do Flamengo e da Marina da Glória.
A praia abrigou em 1874 uma pelada entre marinheiros de navios ingleses de passagem pelo Porto do Rio de Janeiro, que é considerada com um dos primeiros jogos de futebol realizados no Brasil. A praia tem papel de destaque no romance Dom Casmurro, de Machado de Assis. O melhor amigo do protagonista Bentinho, Escobar, morre afogado na Praia da Glória, puxado pela correnteza em uma ressaca.
Aterro do Flamengo

Aterro do Flamengo


Também conhecido como Aterro do Flamengo, o parque é uma enorme área gramada e arborizada, ao longo do mar, contendo quadras de esporte, cliclovia, e locais para caminhar e lazer. O nome oficial é Parque Brigadeiro Eduardo Gomes. Embora o nome o parque carregue o nome de Parque do Flamengo, sua extensão vai bem além do bairro do Flamengo, onde começa perto do Morro da Viúva ou final de Botafogo. O parque corre junto ao mar passando à frente de bairros e áreas que vem depois do Flamengo em direção ao centro da cidade, como Largo do Machado, Catete, Gloria e Centro do Rio, passando em frente ao Parque Passeio Público e Praça da Cinelândia, e terminando praticamente onde começa o aterro do Aeroporto Santos Dumont. O Parque do Flamengo tem mais de 11 mil árvores de 190 espécies nativas e exóticas. Só de palmeiras, são mais de quatro mil de 50 variedades.
Oficialmente denominado Monumento aos Mortos da Segunda Guerra Mundial, o popular Monumento aos Pracinhas é um dos pontos de referência do Parque do Flamengo. Ali, no primeiro domingo de cada mês, acontece a troca da guarda do local, onde se revezam militares da Aeronáutica, Exército e Marinha. São mais de 1 milhão de metros quadrados, ocupados por quadras, restaurantes e outras atrações. O Parque do Flamengo é hoje o maior da cidade e de longe. Espaços como a Quinta da Boa Vista (155 mil metros quadrados) e o Parque Madureira (90 mil metros quadrados) são bem menores. Oficialmente, o Parque do Flamengo nunca foi inaugurado, já que projeto original nunca chegou a ser totalmente construído. De toda forma, comemora-se o aniversário informal do espaço é comemorado na semana do dia 12 de outubro, quando uma grande festa de Dia das Crianças foi realizada no local em 1965.

Apartamento a Venda Flamengo



Sobre o Autor

Consultor Imobiliario administrator

Formado em Sistemas da Informação pela Faculdade Estácio de Sá e Transações Imobiliárias. Corretor a desde de 2014 Creci 066798

Deixe uma resposta